Translate

quinta-feira, 24 de abril de 2014

A Grande Ceifa da Iniquidade

 "1 O SENHOR Deus me fez ver isto: eis aqui um cesto de frutos de verão.
2 E perguntou: Que vês, Amós? E eu respondi: Um cesto de frutos de verão. Então, o SENHOR me disse: Chegou o fim para o meu povo de Israel; e jamais passarei por ele.
3 Mas os cânticos do templo, naquele dia, serão uivos, diz o SENHOR Deus; multiplicar-se-ão os cadáveres; em todos os lugares, serão lançados fora. Silêncio!” (Amós 8.1-3)

A iniquidade de Israel havia amadurecido, até o ponto de estar parecida com a daqueles frutos de verão em um cesto, que Deus mostrou a Amós em visão, e que significava que haveria uma colheita de juízo que seria feita com a opressão e cativeiro dos israelitas do Reino do Norte pelos assírios, o que ocorreu em 722 a.C., alguns anos após a profecia que foi entregue a Amós.
A medida da iniquidade de Israel havia sido completada, tal como a dos amorreus nos dias de Moisés e Josué, e também como a de todo o mundo em nossos dias, de forma que a colheita será feita brevemente, e a foice do Grande ceifeiro há de passar sobre toda a Terra, para fazer a grande e final colheita de destruição do fruto amargo espiritual produzido pelos homens, em razão de terem escolhido viver sob a escravidão do pecado, rejeitando a liberdade do referido jugo, que está sendo oferecida gratuitamente em Cristo Jesus para todos aqueles que se arrependem.
Então, dar-se-á cumprimento à palavra revelada em Apocalipse 14.14-20.
“Apo 14:14  Olhei, e eis uma nuvem branca, e sentado sobre a nuvem um semelhante a filho de homem, tendo na cabeça uma coroa de ouro e na mão uma foice afiada.
Apo 14:15 Outro anjo saiu do santuário, gritando em grande voz para aquele que se achava sentado sobre a nuvem: Toma a tua foice e ceifa, pois chegou a hora de ceifar, visto que a seara da terra já amadureceu!
Apo 14:16 E aquele que estava sentado sobre a nuvem passou a sua foice sobre a terra, e a terra foi ceifada.
Apo 14:17 Então, saiu do santuário, que se encontra no céu, outro anjo, tendo ele mesmo também uma foice afiada.
Apo 14:18 Saiu ainda do altar outro anjo, aquele que tem autoridade sobre o fogo, e falou em grande voz ao que tinha a foice afiada, dizendo: Toma a tua foice afiada e ajunta os cachos da videira da terra, porquanto as suas uvas estão amadurecidas!
Apo 14:19 Então, o anjo passou a sua foice na terra, e vindimou a videira da terra, e lançou-a no grande lagar da cólera de Deus.
Apo 14:20 E o lagar foi pisado fora da cidade, e correu sangue do lagar até aos freios dos cavalos, numa extensão de mil e seiscentos estádios.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário