Translate

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Vivemos em Dias Trabalhosos Para se Agradar a Deus

Em nossos dias, especialmente os que nasceram depois da década de sessenta terão uma grande dificuldade para compreender, o que sejam os valores de uma família nuclear conforme estabelecido por Deus em Sua Palavra, e tudo o mais que se refira a um comportamento adequado da sociedade como um todo, uma vez que tudo isto começou a ser dilapidado de forma mais intensa desde então, e de uma maneira muito mais acelerada nas duas últimas décadas.
Então, o resultado é que, sobretudo os jovens assumam comportamentos e se identifiquem com uma cultura que é em sua essência, contrária a Deus e aos Seus mandamentos, por lhes faltar um referencial exemplar quer na sociedade, quer em seus próprios lares.
Uma família cristã não está excluída disto, caso não se empenhe e muito, em primeiro identificar aquilo que está contra Deus na sociedade e em suas próprias vidas, de modo a que não seja encontrada na condição, que é muito comum, a propósito, em nossos dias, de se amar o mundo, ainda que seja por engano e involuntariamente; por se seguir a onda, e, por conseguinte assumir um comportamento que é inimigo de Deus, conforme a Palavra nos adverte tão insistentemente para evitarmos.
Segundo profetizado nas Escrituras, estes dias em que vivemos são trabalhosos. Então, nos é exigido mais do que dupla vigilância e oração para que possamos permanecer firmes e inabaláveis nas  coisas que se referem à piedade.
Somos ordenados a não somente evitar o mal, como também a aparência do mal. A negarmos a nós mesmos para sermos cheios da mente de Cristo. A mortificarmos o pecado diariamente, por nos sujeitarmos à instrução, direção e poder do Espírito Santo. A nos submetermos à disciplina de Deus, pela formação contínua de hábitos de santidade. A perseverar na fé, na oração, e na prática do amor e das boas obras; pois há todo um apelo para se viver na carne, em todas as partes ao nosso redor, inclusive nos meios virtuais (TV, Internet etc).
A cultura não é mais ditada por execução de deveres, mas por busca de prazeres, pois a profecia diz que os homens seriam mais amantes dos prazeres do que de Deus e da Sua vontade.
O apóstolo descreveu de forma sucinta qual seria o comportamento generalizado da sociedade dos últimos dias, de forma que o identifiquemos e evitemos a todo o custo ser achados na condição que é por ele descrita:
2Tm 3:1  Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis,
2Tm 3:2 pois os homens serão egoístas, avarentos, jactanciosos, arrogantes, blasfemadores, desobedientes aos pais, ingratos, irreverentes,
2Tm 3:3 desafeiçoados, implacáveis, caluniadores, sem domínio de si, cruéis, inimigos do bem,
2Tm 3:4 traidores, atrevidos, enfatuados, mais amigos dos prazeres que amigos de Deus,

2Tm 3:5 tendo forma de piedade, negando-lhe, entretanto, o poder. Foge também destes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário